Segunda-feira, 25 de Junho de 2012
CAVAQUISTÂO DE VISEU

O excesso de longevidade política tem destas coisas. Dá para  ver anos depois, ao vivo, o preço das ilusões que vendemos. Castro Daire, um  pedaço do Cavaquistão de Viseu,  epicentro das maiorias absolutas de Cavaco  Silva em 1987 e 1991, onde em 2006 e 2011 Cavaco teve percentagens superiores a  70% de votos como candidato presidencial assobiou o seu herói. Não quer que o  tribunal de Castro Daire seja extinto, tal como está previsto na proposta do  novo mapa judiciário.

Castro Daire é um excelente protótipo do concelho gastador  em obras públicas. É pobre, tem pouca indústria e poucas empresas produtivas O  sector mais importante é a construção civil, que vive praticamente das obras que  o município adjudica, biblioteca, auditório, piscinas, complexo desportivo,  requalificação de ruas, repavimento de estradas etc, etc, Em 2009, o PS ganhou a  Câmara Municipal, com este modelo de desenvolvimento na boca. Perde população  desde há anos mas continua a construir. Ontem, Cavaco Silva foi inaugurar o  Parque Urbano, uma obra que custou quase 1 milhão de euros (no entanto,  financiada a 85% pelo FEDER)

É difícil explicar a Castro Daire, e a outros tantos  concelhos portugueses que viveram sempre deste modelo de desenvolvimento do  cimento, que devem cortar com ele. Cavaco colhe hoje os ventos que semeou. O  seu grande legado como primeiro-ministro são, no tempo das vacas gordas, as  obras públicas, as auto-estradas, os viadutos, o CCB. Nunca apostou no mar,  nunca bateu o pé ao desmantelamento das pescas, da marinha mercante, dos portos,  da agricultura.

É ele o grande responsável por esta ilusão de vida no  betão que alastrou da administração central para as autarquias precisamente no  tempo do cavaquismo. Sob a capa do pretenso reformador e do tecnocrata  rigoroso, Cavaco criou um país inviável.  

Tem a agravante de nunca ter emendado a mão. Em 2000,  lançou-se ao monstro da despesa pública de Guterres como  mera guerrilha  política, sem dizer no concreto onde se devia cortar, no Estado, nas  autarquias, nas obras públicas, sem indicar soluções visionárias aos muitos  Castro Daire, um novo modelo judicial, extinção de tribunais, um novo modelo  administrativo, com extinção de autarquias, modelos assentes na produção e não  no betão, o fim das coutadas políticas, num arco de poder local que  abrangeu todos os partidos, inclusivé  o PCP, o fim das contratações em  massa nos municípios, as contratações políticas e as contratações para  abafar o desemprego no concelho à custa de mais dinheiros públicos.  

A partir de 2007 lançou-se noutra guerrilha a Sócrates, com a  necessidade de falar verdade, também sem enunciar soluções concretas. Ele que  nunca teve a coragem de falar preto no branco aos portugueses das questões  difíceis, das que ninguém gosta de ouvir.... falou da verdade. Com ela   acabou por nos enganar. Hoje continua o mesmo. A troika pede ao  governo para extinguir metade das autarquias, porque sabe bem de onde vem parte  do despesismo, mas Cavaco  mete a cabeça na areia. Tem medo de dizer o que  o povo não quer ouvir. do choque, do divórcio com os portugueses por lhes falar  verdade. No fundo, nunca soube governar em tempos difíceis, que é  onde se vêem os  verdadeiros governantes...            

Ler mais: http://expresso.sapo.pt/cavaquistao-apresenta-factura-do-betao-ao-senhor-anibal=f735172#ixzz1yq2QZOTe



publicado por patriotaxxi às 21:22
link do post | comentar | favorito

posts recentes

Câmara Municipal de Castr...

CAVAQUISTÂO DE VISEU

Nós pagamos...

Castro Daire, notícia pel...

Castro Daire Vai Ficar Se...

Castro Daire Vai Ficar Se...

Castro Daire Vai Ficar Se...

Castro Daire Vai Ficar Se...

Castro Daire Vai Ficar Se...

Castro Daire Vai ficar Se...

Vamos Ajudar o Presidente...

EDP, o verdadeiro escânda...

Portagens

Trabalhar sem ordenado

Peculato em Castro Daire

O "Povo" a que paga!!!

Um erro que Passos Coelho...

Coincidência

2 de Julho

Museu Dias Loureiro

Carta aos senhores da tr...

Semanada

Portugal a dois tempos...

Quem nos acode!!!

Funcionários Publicos

Julho 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


links
pesquisar
 
mais sobre mim
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds